Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quarta-feira, 31 de outubro de 2018

A greve dos caminhoneiros e a lição de Mises

Em maio deste ano uma greve de caminhoneiros autônomos tomou conta do país trazendo transtornos, desabastecimentos e incertezas. O problema foi tão grave que quase ocasionou uma intervenção militar e a queda do presidente Michel Temer; que conseguiu se manter no poder por detalhes. A principal reivindicação dos caminhoneiros foi uma redução do preço do diesel e teve amplo apoio popular, pois boa parte da população achou que se beneficiaria com uma suposta redução do preço da gasolina; o que, lógico, não aconteceu.

A segunda pauta dos grevistas não foi muito difundida na mídia e em geral é de pouco interesse de quem não trabalha diretamente com a categoria. Estes caminhoneiros autônomos exigiam, da parte do governo, a criação de uma tabela de preço mínimo de frete; para que nenhuma transportadora pagasse menos do que o exigido em lei. Ou seja, estavam pedindo mais intervenção do governo na economia, e este acuado pela pressão cedeu.

Porém, estes motoristas autônomos não esperavam que a criação desta tabela teria consequências desastrosas para eles próprios. Muitas empresas, vendo que se tornaria economicamente inviável pagar o frete mínimo exigido, preferiram comprar seus próprios caminhões, deixando muitos caminhoneiros sem carga para transportar; ou seja, sem trabalho.

Relembrei esse fato por dois motivos: o primeiro é mostrar ao leitor como a interferência governamental na economia é destruidora; e o segundo para refletirmos o quão lamentável é que a maioria das pessoas não saiba isso! É algo básico, todo trabalhador deveria saber; mas nós brasileiros temos arraigada no imaginário popular a ideia de que o governo deve cuidar de todos os nossos problemas, sobretudo os problemas econômicos. E é justamente por isso que somos um país tão pobre e atrasado.

Felizmente há muitas saídas, e não é preciso que todo mundo faça uma faculdade ou um curso avançado de economia. Existem livros bons e baratos que podem esclarecer pessoas comuns, como nós, sobre o tema; e acredito que um dos melhores de todos seja “As seis lições” de Ludwig Von Mises. De uma maneira simples e fácil de entender Mises dá uma palestra magistral sobre os males resultantes da intervenção do governo na economia. Especialmente mostrando que o controle do governo em alguma área afeta toda a economia, pois não existe “intervenção isolada”.

Mas essa importante obra tem mais joias preciosas. O autor também fala sobre capitalismo, socialismo, inflação, investimento externo e, por último, sobre as relações entre política e ideias. Acreditem, ler e estudar as lições contidas neste livro pode nos colocar anos à frente daqueles que se informam apenas pelos “especialistas” da Globonews. E, de quebra, nos ajudará a escolher melhor nossos representantes na política, pois trabalhadores jamais deveriam votar em políticos que atrapalham as relações de trabalho.

Ler “menos Marx e mais Mises” nas escolas e universidades poderia mudar bastante a mentalidade predominante na sociedade hoje. Mas, enquanto esse dia não chega, o prejuízo dos caminhoneiros autônomos nos servirá de lição.

Eliezer Lutero de Souza
Peripatos – Grupo de Estudos Conservadores

0 comentários:

Template - Dicas para Blogs